13 de junho de 2022

O Advogado do Diabo

Por Mariana Abdel Esses dias revi esse clássico dos anos 90, e como sempre retratado no cinema, o Diabo é um ser divertido, atraente, inteligente, sarcástico, rico, desinibido, livre de culpa, destemido e sedutor. Ou seja, tudo que invejamos. Afinal, vamos admitir, o neurótico tem inveja do perverso. Mas voltando ao filme, este, gira em torno de Kevin (um jovem advogado da Flórida que diz “nunca perder”) e John Milton (dono de […]
21 de maio de 2022

Uma mulher fantástica

Por Mariana Abdel[1] “Não quero mais policiais, médicos, jalecos e uniformes, não quero nada” (Marina). “Uma mulher fantástica” gira em torno de Marina, uma mulher trans, garçonete e cantora, que presencia a morte súbita de seu namorado, 20 anos mais velho, Orlando, causada por um aneurisma. O filme começa com uma cena bonita, em que Marina canta e Orlando a observa, em seguida comemoram seu aniversário em um restaurante. Em […]
1 de junho de 2020

Aganbem e a pandemia

É para se pensar… Fausto Antonio de Azevedo A Editora Boitempo (https://www.boitempoeditorial.com.br/) lançou um conjunto de ebooks que analisam a pandemia sob distintas facetas. “Pandemia Capital” traz livros curtos de diferentes autores: Alysson Leandro Mascaro, Christian Dunker, Giorgio Agamben, Slavoj Zizek, Boaventura de Sousa Santos, Angela Davis, Naomi Klein e Talíria Petrone… O filósofo italiano Agamben (nascido em Roma, 1942) é bastante conhecido, lido e debatido, por conta de sua […]
13 de maio de 2020

Chiara Lubich – uma forma de se pensar a pulsão de vida

Fausto Antônio de Azevedo Estrelas e lágrimas Estrelas e Lágrimas Estou aqui com uma mochila azul Sentada com os olhos ao céu. De estrela em estrela, a noite cresce sobre mim E as constelações fazem todo seu giro lentamente Coisa nova pra mim. A nossa casa está em chamas A cidade lá em baixo desmorona sob uma outra guerra. E eu aqui.   De estrela em estrela A noite fora e […]
5 de maio de 2020

As três perguntas definitivas

Fausto Antonio de Azevedo Resumo: O texto procura apresentar algumas respostas, ou pelo menos reflexões, quanto a três perguntas definitivas e milenares: De onde venho?, Quem sou?, Para onde vou?. E tenta fazê-lo à luz de algumas idéias básicas e teses de Catarina de Sena e da Psicanálise. Abstract: The article seeks to present some answers, or at least reflections, regarding three definitive and millennial questions: Where do I come […]
30 de abril de 2020

A Paralisia da Angústia: Mudança de Rota em Defesa da Nova Normalidade Criativa

Por Ulisses Caballi Filho Entre os horários vagos no consultório, em tentativa de ocupá-los, pensei: que tal, organizar meus livros nas estantes de maneira lúdica e simples (veja abaixo): Na abertura “O Brincar e a Realidade”, fiz muito disso quando jovem, hoje, adulto e na fase “Neurótica”, organizo de A-Z, alinhando milimetricamente “Sobre a Visão e as Cores”, isto é, quando as letras, tamanhos e formatos ajudam. Em pé, ali […]
24 de abril de 2020

A Clemência de Tito

A Clemência de Tito1 Por Ulisses Caballi Filho Último domingo do mês de janeiro, madrugada úmida, que logo daria espaço ao brilho intenso do astro maior, o Sol. Despertei com as vibrações de meu celular; não consegui atender a primeira chamada, mas a segunda foi certeira como uma flecha rumo à presa e quase sem tempo eu falei: “Alô” com uma rouquidão habitual. Do outro lado, uma voz entristecida me […]
22 de abril de 2020

Quem tem coragem de confessar sua vaidade?

Fausto Antonio de Azevedo Um amigo querido, bioquímico e médico, disse-me ontem, em referência ao drama-caos que o mundo está atravessando, que, em sua percepção, o pior efeito colateral da pandemia viral é o “pandemônio virtual” que se instalou. Já uma psicóloga, educadora e psicanalista, parceira de viveres e poesias, comentou minha observação sobre humildade intelectual (humildade como oposto de orgulho e vaidade), a qual eu lhe fizera por estar […]
12 de abril de 2020

Leibniz e o inconsciente antes de Freud

Fausto Antonio de Azevedo “Na linguagem corrente, o termo inconsciente é utilizado como adjetivo, para designar o conjunto dos processos mentais que não são conscientemente pensados. Pode também ser empregado como substantivo, com uma conotação pejorativa, para falar de um indivíduo irresponsável ou louco, incapaz de prestar contas de seus atos. “Conceitualmente empregado em língua inglesa pela primeira vez em 1751 (com a significação de inconsciência), pelo jurista escocês Henry […]
3 de abril de 2020

O Poço, O Banquete e seus Efeitos Colaterais

O Poço1, O Banquete2 e seus Efeitos Colaterais Ulisses Caballi Filho Quarta-feira, 1º de Abril, ano 2020, data mundialmente conhecida como o Dia da Mentira3, sendo sua “origem” creditada a uma brincadeira francesa no Reinado de Carlos IX4. Semana que precede o fim do Tempo de Quaresma, semelhanças à parte, talvez seja encerrada a Quarentena instaurada pelo Ministério da Saúde contra a Progressão Geográfica do Covid-19, vulgo coronavírus. Os dados5 […]
© 2020 Tempo Análise. Todos os direitos reservados.